quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Doping: suspensão por 4 anos para Aleksey Bartsaykin

Aleksey Bartsaykin em Taicang-2014.
Foto: Mauricio Quiroz Hoyos
A Federação Russa de Atletismo anunciou hoje no seu «site» oficial a suspensão por dopagem, com base em parâmetros anormais no passaporte biológico, de Aleksey Bartsaykin, marchador internacional de 28 anos de idade, por um período de 4 anos, com início a 4 de Julho desde ano, sendo-lhe anulados todos os resultados obtidos a partir de 9 de Setembro de 2012.

Com vários títulos nacionais, Bartsaykin, da Mordóvia, quando ainda sub-20 em 2008, venceu a prova de 10 km da categoria na Taça do Mundo de Marcha em Cheboksary (39.57) e foi quarto classificado mundial da categoria em Bydgoszcz (41.14,90). Já em 2014, em Taicang (Taça do Mundo) terminou os 50 km na 5.ª posição, com 3.46.34, posteriormente passou a 4.º por dopagem de Yury Andronov, acabando por fechar a equipa nacional que contava com Mikhail Ryzhoc e Ivan Noskov (1.º e 2.º) e que vencera coletivamente.

Com a anulação desse resultado de Bartsaykin em Taicang-2014 a Rússia deixa de pontuar nos 50 km, a Ucrânia ascende ao 1.º lugar, a China ao 2.º lugar e a Espanha entra no 3.º lugar do pódio (Jesús Ángel García, Francisco Arcilla e Mikel Odriozola). O português Pedro Isidro ocupa agora a 20.ª posição individual na prova.

Os 50 km no 2.º dia de Ivano-Frankivsk, Ucrânia

Os 50 km em Ivano-Frankivsk, com o início da prova masculina
e o pódio feminino. Federação de Atletismo da Ucrânia e Zoe Gini
Montagem: O Marchador
No domingo, 15/10, 20 atletas (13 masculinos e 7 femininos) alinharam nos 50 km com partidas diferidas em 2 minutos para homens e mulheres (9 horas e 9.02 horas), com expectativas acrescidas na prova feminina pela perspetiva de participação no Campeonato do Mundo de Seleções em Taicang-2018.

Na verdade, foram bons os indicadores técnicos fornecidos pelas senhoras com as três primeiras classificadas a obterem registados abaixo da 4 horas e 40 minutos, com destaque para a vencedora, Khrystyna Yudkina, de Ivano-Frankivsk, a saber esperar para assumir o comando depois dos 36 km e vencer com a marca de 4.32.14, posicionando-se em 7.º lugar na lista mundial do ano (2.ª europeia). Os seus parciais em cada 10 km foram de 55.00, 53.17, 53.31, 53.32 e 56.54, e em cada metade de 2.15.02 e 2.17.02. As suas principais opositoras, que ganharam grande vantagem na primeira metade da prova e que viriam a claudicar na segunda metade, foram Kseniya Radko (Sumy) e Vasylyna Vitovshchyk (Volynskaya), respetivamente segunda e terceira classificadas, com 4.34.49 (2.12.15-2.22.34) e 4.37.55 (2.13.21-2.24.34). Uma referência para a 4.ª classificada, da Sérvia,  Dušica Topić, com 4.41.55.

Nos homens, o título nacional ficou na posse de Andriy Hrechkovskyy, de Kievskaya, com 4.01.14, com 2.00.43 e 2.00.30 em cada 25 km e parciais de 48.31, 48.05, 48.14, 48.39 e 47.44 em cada 10 km. Apenas 45 segundos depois chegaria Ihor Saharuk (Volynskaya), com 4.01.58 (2.00.25 e 2.01.33), sendo ultrapassado por Hrechkovskyy na passagem dos 44 km, com quem manteve interessante despique durante toda a prova. A fechar o pódio entrou Valeriy Litanyuk (Ivano-Frankivsk), com 4.03.55 (2.00.30 e 2.03.24). Quanto à participação portuguesa, Hélder Santos (Leiria MA) foi desclassificado cerca dos 16 km e Marco Amaral (J Ilha Verde) desistiu ainda antes de cumprida metade da prova (aos 24 km).

Referência ainda para a prova de veteranos masculinos que fechou o evento, vencida por Petro Harnyk, de 53 anos (3 km, 14.26).

Colaboração: Kristina Saltanovic

Classificações
50 km masculinos
1.º, Andriy Hrechkovskyy, 1993 (Kievskaya), 4.01.14
2.º, Ihor Saharuk, 1988 (Volynskaya), 4.01.58
3.º, Valeriy Litanyuk, 1994 (Ivano-Frankivsk), 4.03.55
4.º, Volodymyr Hontsovskyy, 1991 (Zhytomyr), 4.10.59
5.º, Anton Radko, 1995 (Sumy), 4.11.41 - 1.º, sub-23
6.º, Oleksiy Shelest, 1973 (Sumy), 4.17.39
7.º, Serhiy Susyk, 1993 (Volynskaya), 4.25.52
8.º, Denys Yaroshevskyy, 1996 (Dnipropetrovsk), 5.59.47 - 2.º, sub-23
Desclassificados: Hélder Santos, 1996 (Portugal) e Nazariy Stepanyuk, 1994 (Zhytomyr).
Desistentes: Marco Amaral, 1993 (Portugal), Oleksiy Kazanin, 1982 (Volynskaya) e Uladzimir Brundukov, 1990 (Bielorrússia).

50 km femininos
1.ª, Khrystyna Yudkina, 1984 (Ivano-Frankivsk), 4.32.14
2.ª, Kseniya Radko, 1994 (Sumy), 4.34.49
3.ª, Vasylyna Vitovshchyk, 1990 (Volynskaya), 4.37.55
4.ª, Dušica Topić, 1982 (Sérvia), 4.41.55
5.ª, Viktoriya Pchelintseva, 1997 (Ivano-Frankivsk), 5.00.37 - 1.ª, sub-23
6.ª, Yuliya Kushka, 1997 (Dnipropetrovsk), 5.45.38 - 1.ª, sub-23
Desistente: Oksana Kulahina, 1997 (Kievskaya).

Resultados completos dos 2 dias, aqui.

O 1.º dia em Ivano-Frankivsk, Ucrânia

A cerimónia de abertura e os vencedores dos 20 km, Viktoryia
Rashchupkina (dorsal 123) e Viktor Shumik (44).
Fotos: Zoe Gini e fb Ruslan Martsinkov
Montagem: O Marchador
A tradicional competição internacional de Marcha de Ivano-Frankivsk, Ucrânia, em 21.ª edição, reuniu a participação de cerca de 150 atletas nacionais e da Sérvia, Grécia, Portugal, Letónia, Bielorrússia e Moldávia, com o primeiro dia (14/10) a ser dedicado às provas de 20 km e outras de distâncias inferiores para os mais jovens.

Nos 20 km, às 12.35 horas, com partidas diferidas em dois minutos, Viktor Shumik, sub-20 de Volynskaya, venceu nos masculinos, com 1.28.44 (parciais em cada 10 km de 43.51 e 44.53), enquanto nos femininos o triunfo pertenceu à sub-23 bielorussa Viktoryia Rashchupkina, com 1.37.59 (parciais de 48.07 e 49.51).

A abrir o programa, pelas 10 horas, tiveram lugar os 10 km masculinos sub-23, sub-20 e sub-18, provas ganhas por Oleh Svystun (Sumy), com 42.33, Yeoryios Tzatzimakis (Grécia), com 42.21, e Mikita Kaliada (Bielorrússia), com 44.01, respectivamente.

Uma hora depois (11 horas) seria a vez dos femininos, as sub-23 e sub-20, também sobre 10 km, saindo vitoriosas em cada uma dessas categorias, Tamara Havrylyuk/Stasyuk (Zhytomyr), com 47.46, e Anafasiia Vaitsi (Grécia, 51.43). As meninas sub-18 realizariam 5 km depois de terminados os 10 km, com mais uma vitória para a representação grega através de Kiriaki Filtisakou, com 24.18.

Nas restantes provas do dia de sábado para os ainda mais pequenos, destaque para o bielorusso Aliaksei Kuntsevich que obteve 13.19 nos 3 km masculinos para sub-16.

O dia seguinte (domingo) seria dedicado aos campeonatos da Ucrânia de 50 km, para masculinos (com participação portuguesa) e femininos, e ainda provas para veteranos.

Colaboração: Kristina Saltanovic

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Campeonatos de Itália de 50 km e 10 km sub-18 (estrada)

Destaques em Grottammare: Chiesa (dorsal 6), campeão de 50 km,
Karlstrom (41), Tontodonati (38) e Trapletti nos 20 km, e os
campeões sub-18 Finocchietti e Mastrangelo.
Fotos: Marcia.it e FIDAL Marche
Montagem: O Marchador
Stefano Chiesa sagrou-se neste domingo, em Grottammare, campeão italiano dos 50 km marcha com o tempo de 4.16.01, uma marca interessante para este jovem de 21 anos de idade que se estrou na distância e que este ano participou nos europeus Sub-23, disputados na cidade polaca de Bydgoszcz, onde foi décimo classificado com um recorde pessoal de 1.25.21. Luca Montoleone, o segundo classificado, um dos dois atletas que conseguiram concluir a prova (o calor fez-se sentir), obteve a marca de 4.22.11. As duas mulheres que participaram nos 50 km, a italiana Laura Civiletti (24 anos) e a espanhola Maria Dolores Marcos (38 anos) não concluíram a competição.

O evento, que marcou o encerramento da época de marcha atlética em Itália, também atribuiu títulos no escalão Sub-18 (juvenis), em estrada, com referências especiais para as vitórias, nos 10 km marcha, de Davide Finocchietti, com 45.59, finalizando a época recheado de vitórias, uma das quais com o título indoor, e na véspera de completar o seu 16.º aniversário, ele que também é jogador de basquetebol. Segunda posição para Ricardo Orsoni (46.39) e de Giorgio Giuliani, o campeão de pista ao ar livre do corrente ano (47.32), isto no setor masculino, enquanto, nas meninas, impunha-se Ida Mastrangelo, com 51.20, subindo ao lugar mais alto do pódio que foi completado com Andrada Lacatus, com 51.42, e Simona Bertini, com 52.11.

Os 20 km marcha, que constituíram a última etapa do campeonato de clubes, evidenciaram no setor masculino a superioridade do sueco Perseus Karlstrom (foi terceiro na Taça da Europa deste ano), a participar «extra», que venceu com a marca de 1.22.47, mais de dois minutos de diferença sobre o primeiro italiano, Federico Tontodonati (1.24.55). Nas promessas (Sub-23), o melhor foi Cesare Cozza (1.30.46) e nos Sub-20 (juniores) Giacomo Brandi (1.30.17).

No setor feminino, também na distância de 20 km e igualmente pontuável para o campeonato de clubes, o destaque vai para Valentina Trapletti, com 1.32.00. As duas atletas que se classificaram nos lugares imediatos (com tempos abaixo da hora e quarenta) são as jovens promessas transalpinas, Nicole Colombi, com 1.35.55, e Martina Ansaldi, com 1.39.32.

Nos veteranos, registe-se as vitórias absolutas nos 10 km de Luigi Paulini (Kronos Roma/M45) em 50.50 e de Valeria Pedetti (Atl. Libertas Arcs Cus Perugia/W40), em dia de aniversário (44 anos), em 52.36.

Note-se ainda que o evento, também designado por Trofeo Serafino Orlini (46.ª edição) e Trofeo Simona Orlini (12.ª edição), destinado a atletas de todos os escalões etários, registou a participação de 345 atletas.

Principais classificações
50 km masculinos
1.º, Stefano Chiesa, 1996 (Atl. Cento Torri Pavia), 4.16.01 - sub-23
2.º, Luca Montoleone, 1990 (A.S.D. Francesco Francia), 4.22.11
Desistentes: Niccolo Coppini, 1997 (Atletica Firenze Marathon S.S.), David Pueyo Ministral, 1973 (Espanha - extra) e Jose Leonidas Romero Irias, 1983 (Honduras - extra).

50 km femininos
Desistentes: Laura Civiletti, 1992 (ASD Enterprise Sport & Service) e Maria Dolores Marcos Valero, 1979 (Espanha - extra).

10 km masculinos sub-18
1.º, Davide Finocchietti, 2001 (Atl Libertas Runners Livorno), 45.59
2.º, Riccardo Orsoni, 2000 (C.U.S. Parma), 46.39
3.º, Giorgio Giuliani, 2000 (C.U.S. Torino), 47.32
4.º, Mikias Meli, 2000 (Atl. Bergamo 1959 Oriocenter), 48.32
5.º, Andrea Cosi, 2001 (Atletica Firenze Marathon S.S.), 49.41 p.l.
6.º, Giulio Scoli, 2001 (Atletica Livorno), 49.48
7.º, Carmine Greco, 2001 (A.S.D. Atletica Don Milani), 50.10
8.º, Alessandro Perrone, 2000 (ASD Neos Matera), 51.06
9.º, Aldo Andrei, 2001 (GS Valsugana Trentino), 51.19 p.l.
10.º, Leonardo Annoscia, 2000 (ASD Athletic Academy Bari), 51.52
11.º, Pasquale Vicenti, 2000 (Futurathletic Team Apulia), 52.18
12.º, Vincenzo Violante, 2001 (Amatori Atl. Acquaviva), 52.25
13.º, Samuele Catena, 2001 (Fiamme Gialle G. Simoni), 53.27
14.º, Simone Deponte, 2000 (Trieste Atletica), 53.58
15.º, Marco Melis, 2001 (Atletica Livorno), 54.13
16.º, Leonardo Ciregia, 2000 (Atletica Grosseto Banca Tema), 55.02
17.º, Giacomo Francia, 2000 (Atletica Livorno), 55.27
18.º, Arcangelo Vicenti, 2000 (Futurathletic Team Apulia), 56.15
19.º, Raffaele Alessa Cariati, 2000 (Futurathletic Team Apulia), 56.52
20.º, Giuseppe Pisacane, 2000 (Atletica Grosseto Banca Tema), 1.03.38 p.l.
21.º, Andrea Ditaranto, 2001 (Ecosport Sb. 2000 Monte ASC), 1.06.33
Desclassificado: Andrea Romagnoli, 2000 (Ludus Atletica Lib Valm. Zaga.).
Desistente: Mattia Gallo, 2000 (Toscana Atletica Futura).

10 km femininos sub-18
1.ª, Ida Mastrangelo, 2001 (A.S.D. Atletica Don Milani), 51.20
2.ª, Andrada Lavinia Lacatus, 2000 (P.B.M. Bovisio Masciago/Roménia), 51.42
3.ª, Simona Bertini, 2001 (A.S.D. Francesco Francia), 52.11
4.ª, Vittoria Giordani, 2000 (U.S. Quercia Trentingrana), 52.57
5.ª, Alessandra Lentini, 2000 (A.S.D. Atletica Don Milani), 53.13
6.ª, Sara Buglisi, 2001 (Sportclub Merano), 54.18
7.ª, Matilde Capitani, 2000 (Atletica Grosseto Banca Tema), 55.29
8.ª, Laura Pirola, 2000 (Atl. Bergamo 1959 Oriocenter), 56.19
9.ª, Chiara Piccini, 2001 (Atletica Grosseto Banca Tema), 56.24
10.ª, Ginevra Perini, 2001 (Atletica Grosseto Banca Tema), 56.37
11.ª, Alice Leonardi, 2001 (Asd Freelance Atl. Zafferana), 56.54
12.ª, Alice Oblach, 2000 (Atl Brugnera Pn Friulintagli), 57.07
13.ª, Emma Ferretti, 2001 (G.S.Self Atl. Montanari Gruzza), 57.15
14.ª, Chiara Tommasi Mavar, 2000 (Esercito Sport & Giovani), 58.05
15.ª, Giulia Miconi, 2000 (Atl. Avis Macerata), 58.51
16.ª, Sara Marincioni, 2000 (Atl. Avis Macerata), 58.58
17.ª, Vanessa Oblach, 2000 (Atl Brugnera Pn Friulintagli), 1.01.30
18.ª, Vanessa Raisa, 2000 (G.S. Fiamme Oro Padova), 1.02.00
19.ª, Natasha Kacbufi, 2001 (Bracco Atletica), 1.03.21
20.ª, Margherita Pizzoni, 2001 (Atl. Libertas Arcs Cus Perugia), 1.03.22
21.ª, Alessia Frezza, 2001 (Atletica Grosseto Banca Tema), 1h04.20
22.ª, Nunzia Ciccarone, 2000 (Alteratletica Locorotondo), 1.06.38
23.ª, Camilla Salti, 2001 (Cremona Sportiva Atl. Arvedi), 1h09.54
Desistentes: Alessia Mastronicola, 2000 (Alteratletica Locorotondo), Letizia Menini, 2000 (Atl. Rodengo Saiano) e Chiara Chelini, 2000 (Toscana Atl.Empoli Nissan).

20 km masculinos seniores e sub-23
1.º, Perseus Karlstrom, 1990 (Suécia - extra), 1.22.47
2.º, Federico Tontodonati, 1989 (C.S. Aeronautica Militare), 1.24.55
3.º, Marco De Luca, 1981 (G.A. Fiamme Gialle), 1.28.11 - W35
4.º, Cesare Cozza, 1997 (A.S. La Fratellanza 1874), 1.30.46 - sub-23
5.º, Alberto Zaupa, 1995 (Atletica Schio), 1.31.16 - sub-23
6.º, Stefano Mansutti, 1995 (A.S.D. Intesatletica), 1.31.57 - sub-23
7.º, Flavio Vona, 1984 (Atl.Biotekna Marcon), 1.34.10
8.º, Ettore Grillo, 1997 (Atletica Firenze Marathon S.S.), 1.34.14  - sub-23
9.º, Giuseppe Inglese, 1996 (Amatori Atl. Acquaviva), 1.36.01 - sub-23
10.º, Vincenzo Verde, 1982 (ASD Enterprise Sport & Service), 1.39.26 - W35
11.º, Giuseppe Scordo, 1994 (Icaro Unipolsai Fondiaria RC), 1.41.45  - SM
12.º, Antonio Lopetuso, 1958 (Amatori Atl. Acquaviva), 1.46.59 - W55
13.º, Federico Boldrini, 1988 (Atl. Recanati), 1.47.54
14.º, Luca Capogrossi, 1996 (Atl. Recanati), 1.48.05 - sub-23
15.º, Giuseppe Quacquarelli, 1993 (Amatori Atl. Acquaviva), 1.49.07
16.º, Giacomo Guglielmi, 1994 (Atletica Livorno), 1.49.11
17.º, Andrea Romanelli, 1986 (Atl. Recanati), 1.52.02
Desclassificados: Riccardo Brambilla, 1997 (Atl. Cento Torri Pavia) e Dimitris Tsordias, 1996 (Grécia - extra).
Desistentes: Giovanni Gentile, 1984 (Ecosport Sb. 2000 Monte ASC), Leonardo Dei Tos, 1992 (Athletic Club 96 Alperia) e Sirio Nicola Capobianco, 1989 (Ecosport Sb. 2000 Monte ASC).

20 km femininos seniores e sub-23
1.ª, Valentina Trapletti, 1985 (C.S. Esercito), 1.32.00
2.ª, Nicole Colombi, 1995 (Atl. Brescia 1950), 1.35.55 - sub-23
3.ª, Martina Ansaldi, 1996 (A.S.D. Atl. Fossano '75), 1.39.32 - sub-23
4.ª, Adelaide Sansoni, 1982 (U.S. Quercia Trentingrana), 1.41.03 - W35
5.ª, Tatyana Gabellone, 1984 (Alteratletica Locorotondo), 1.41.35
6.ª, Lidia Barcella, 1997 (Bracco Atletica), 1.44.42 - sub-23
7.ª, Marta Stach, 1995 (Atl. Brescia 1950), 1.47.47 - sub-23
8.ª, Giulia Imbesi, 1996 (GA Aristide Coin Venezia 1949), 1.49.33 - sub-23
9.ª, Elena Sbernardori, 1991 (Atl. Brescia 1950), 2.04.06
Desclassificada: Ilaria Andrei, 1994 (GS Valsugana Trentino).

20 km masculinos sub-20
1.º, Giacomo Brandi, 1998 (Sport Atl. Fermo), 1.30.17
2.º, Davide Marchesi, 1999 (Atl. Riccardi Milano 1946), 1.35.57
3.º, Matteo Gallo, 1999 (A.S.D. Atletica Don Milani), 1.36.56
4.º, Attilio Trapasso, 1998 (C.S. Giovanile Cz Lido), 1.38.05
5.º, Michele Disaro, 1999 (G.S. Fiamme Oro Padova), 1.40.19
6.º, Juriy Micheletti, 1998 (Atl. Bergamo 1959 Oriocenter), 1.40.45
7.º, Giacomo Vitangeli, 1998 (Atletica Firenze Marathon S.S.), 1.41.48
8.º, Fabio Barattini, 1999 (Atletica Livorno), 1.42.06
9.º, Luca Vernesoni, 1999 (Atletica Trento), 1.42.33
10.º, Stefano D'Andrea, 1999 (Polisportiva Tethys Chieti), 1.42.46
11.º, Leandro Tomasselli, 1999 (A.S.D. Atletica Futura Roma), 1.42.55
12.º, Federico Vimercati, 1999 (Atl. Cento Torri Pavia), 1.46.53
13.º, Matteo Dolfi, 1998 (Atletica Firenze Marathon S.S.), 1.48.09
14.º, Lorenzo Grossi, 1998 (Atletica Livorno), 1.50.26
15.º, Guglielmo Brusaca, 1999 (Asd Atletica Spezia Duferco), 1.51.01
16.º, Marco Franchin, 1999 (Atl.Biotekna Marcon), 1.52.19
Desclassificado: Roberto Specchia, 1998 (A.S.D. Atletica Don Milani).
Desistentes: Matteo Scabeni, 1999 (Atl. Cento Torri Pavia) e Michele Panconi, 1999 (Atletica Grosseto Banca Tema).

20 km femininos sub-20
1.ª, Beatrice Foresti, 1998 (Atl. Bergamo 1959 Oriocenter), 1.53.48
2.ª, Maria Teresa Vulpis, 1999 (U.S. Giovani Atleti Bari), 1.56.34
3.ª, Beatrice Andreose, 1998 (G.S. Fiamme Oro Padova), 1.58.18
4.ª, Sara Salis, 1999 (Shardana ASD), 1.58.42
5.ª, Roberta Tomasello Poma, 1998 (Etnatletica San Pietro Clarenz), 2.01.34
6.ª, Silvia Neva, 1999 (Atletica Grosseto Banca Tema), 2.02.11
Desclassificada: Tiziana Linari, 1998 (Fiamme Gialle G. Simoni).
Desistentes: Anthea Mirabello, 1999 (Fiamme Gialle G. Simoni), Angelica Mirabello, 1999 (Fiamme Gialle G. Simoni) e Natalia Petrini, 1999 (Toscana Atl.Empoli Nissan).

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Seiler sagra-se campeão da Alemanha de 50 km em Gleina

Nathaniel Seiler (dorsal 5), Agnieszka Ellward (9) e a partida dos
50 km (em conjunto com os 20 km). Fotos: Philipp Pohle/RW Pictures
Montagem: O Marchador
O jovem Nathaniel Seiler, de 21 anos de idade, representando o TV Bühlertal, conquistou o seu primeiro título nacional absoluto de 50 km da Alemanha, e ainda de sub-23, ao vencer os campeonatos da distância disputados no passado sábado (14 de Outubro) em Gleina.

Numa prova comandada por Hagen Pohle, que viria a abandonar aos 38 km, Seiler registou à chegada a marca de 4.00.44 (2.20.22 na passagem dos 30 km), depois de em Maio passado ter conseguido um recorde pessoal de 3.55.13 ao ser 7.º classificado na Taça da Europa de Marcha de Podebrady. Nos campeonatos de 2016 em Andernach obtivera a 6.ª posição, com 3.58.03.

Jonathan Hilbert, do LG Ohra Energie, seria o vice-campeão ao concluir pela primeira vez a distância, com 4.05.49, enquanto o veterano Denis Franke, de 47 anos de idade, que várias vezes competiu em Portugal há alguns anos, fechou o pódio dos campeonatos, com 5.04.48. Na terceira posição da geral entrou o húngaro Dávid Tokodi (Ferencvárosi TC), com 4.17.12.

Nas senhoras, com 2 participantes à partida, de assinalar a vitória de Agnieszka Ellward (WKS Flota Gdynia), com 4.41.58 (4.ª na geral), marca que supera largamente o recorde da Polónia, que já lhe pertencia com 4.52.56, desde Março deste ano em Dudince.

Em prova de 20 km femininos conjunta com os 50 km, vitória para a húngara Anett Torma, com 1.39.54, à frente da britânica Heather Lewis (1.40.06) e da sub-20 alemã Teresa Zurek (1.42.12).

Classificação dos 50 km
1., Nathaniel Seiler, 1996 (TV Bühlertal), 4.00.44
2., Jonathan Hilbert, 1995 (LG Ohra Energie), 4.05.49
3., Dávid Tokodi, 1991 (Ferencvárosi TC/Hungria), 4.17.12
4., Agnieszka Ellward, 1989 (WKS Flota Gdynia), 4.41.58 - 1.ª fem.
5., Denis Franke, 1969 (TV Bühlertal), 5.04.48
Desclassificados: Dominic King, 1983 (Colchester Harriers/Grã-Bretanha), Benjamin Léauté, 1988 (Lille Métropole Athlétisme/França) e Bianca Maria Dittrich, 1993 (SC Impuls Erfurt), - fem.
Desistentes: Hagen Pohle, 1992 (SC Potsdam) e Helmut Prieler, 1955 (SpVgg Niederaichbach).

Os resultados completos podem ser consultados aqui.

domingo, 15 de outubro de 2017

XIII Campeonato de España de Clubes Cadete (resultados)

Jorge López de la Cueva e Lucia Redondo Ardid.
Fotos (arquivo): Atletismo Els Sitges e Félix Villar/AEMA
Montagem: O Marchador
Em pleno mês de outubro, a Real Federação Espanhola de Atletismo (RFEA) disputou a fase final da décima terceira edição do Campeonato de Espanha de Clubes para atletas sub-16, a final A masculina e feminina em Castellón-MGH, a B masculina em Múrcia, a B1 feminina em Valladolid e a B2 também feminina em Durango (7 Out.).

As melhores marcas nas provas de marcha (5.000 metros masculinos e 3.000 metros femininos) no conjunto de todas as finais foram alcançadas por Jorge López de la Cueva (1.º na final B), em representação do Atletisme Els Sitges, com 24.02,28, um novo recorde dos campeonatos, e Lucía Redondo Ardid (1.ª na final A), do Atletismo Alcorcón, com 16.03,0.

Outros vencedores individuais na marcha foram Jose Luis Hidalgo (Cueva de Nerja-UMA, 24.17,86) na final A, Sofia Marco Soriano (UCAM-Cartagena, 17.22,36) na final B1 e Elisa Manso Cano (At. Intec-Zoiti, 17.50,57) na final B2.

Classificações da final A (Castellón-MGH)
5.000 m masculinos
1.º, Jose Luis Hidalgo Rodriguez, 2002 (Cueva de Nerja-UMA), 24.17,86
2.º, Sergio Martinez Martinavarro, 2002 (Playas de Castellon), 24.24,67
3.º, Paul Mcgrath Benito, 2002 (ISS - L'Hospitalet), 24.39,95
4.º, Fernando Montejo Garces de Marcilla, 2002 (A.D. Marathon), 24.50,77
5.º, Raul Jimeno Rivera, 2003 (Simply-Scorpio 71), 25.58,42
6.º, Joaquim Rico Guasch, 2002 (AA Catalunya), 26.13,52
7.º, Francisco Tornos Lloret, 2003 (València Esports), 27.31,79
8.º, Jorge Cabezos Olmedo, 2002 (UCAM-Cartagena), 29.06,78

3.000 m femininos
1.ª, Lucia Redondo Ardid, 2003 (Atletismo Alcorcon), 16.03,0
2.ª, Paula Viciano Cansino, 2002 (Playas de Castellon), 16.27,4
3.ª, Andrea Martin Rivas, 2002 (A.D. Marathon), 16.52,1
4.ª, Marta Obradors Baro, 2003 (ISS - L'Hospitalet), 16.57,5
5.ª, Sara Bardal Sanabria, 2002 (Universidad de León Sprint Atl.), 16.59,3
6.ª, María Tomas García, 2002 (Cueva de Nerja-UMA), 17.05,2
7.ª, Maider Etxeberria Lizarbe, 2003 (Grupompleo Pamplona At), 17.13,6
8.ª, Pilar Alonso Porta, 2002 (Simply-Scorpio 71), 17.34,4

sábado, 14 de outubro de 2017

Significativa participação nos campeonatos italianos sub-16

A luta pela vitória na prova masculina e o pódio feminino.
Fotos: FIDAL e FIDAL Lombardia
Montagem: O Marchador
Em Cles, cidade na região italiana de Trento, tiveram lugar no fim-de-semana 7/8 de Outubro os Campeonatos Nacionais de Atletismo de Pista para atletas sub-16, evento de âmbito individual e também por regiões, com larga participação de atletas nas provas de marcha, com um total de 70 em masculinos e femininos, divididos em 4 séries.

Na classificação geral dos 5.000 metros masculinos, impôs-se Emiliano Brigante, de Friuli-Venezia Giulia, com um recorde pessoal de 22.32,03, seguido de perto por Gabriele Gamba, da Lombardia, com 22.36,81, e na terceira posição Jacopo Capodifoglio, de Abruzzo, com 23.11,89, todas na série 2, a mais forte.

Nos femininos, sobre 3.000 metros, a melhor foi Angela di Fabio, de Abruzzo, com 14.49,17, com a segunda classificada ainda a entrar dentro dos 14 minutos de prova, na circunstância Martina Casiraghi, da Lombardia, com 14.56,81. 4 centésimos de segundo foi a diferença de tempo que separou as atletas na disputa da terceira posição, Luce Accordi (Toscana, 15.23,39) e Martina Ticozzi (Abruzzo, 15.23,43).

Classificações individuais
5.000 m masculinos (séries 1 + 2)
1.º, Emiliano Brigante, 2003 (Friuli-Venezia Giulia), 22.32,03 - 1.º, série 2
2.º, Gabriele Gamba, 2002 (Lombardia), 22.36,81 - 2.º, série 2
3.º, Jacopo Capodifoglio, 2002 (Abruzzo), 23.11,89 - 3.º, série 2
4.º, Sergio Palumbo, 2002 (Toscana), 23.45,13 - 4.º, série 2
5.º, Daniele Breda, 2002 (Lombardia), 23.47,57 p,l, - 5.º, série 2
6.º, Andrea Angioletti, 2002 (Lombardia), 23.52,66 - 6.º, série 2
7.º, Fernando Arcangeli, 2002 (Lazio), 23.53,66 - 7.º, série 2
8.º, Pietro Marchetti, 2002 (Veneto), 24.28,78 - 8.º, série 2
9.º, Claudio De Santis, 2003 (Toscana), 24.33,30 - 1.º, série 1
10.º, Lorenzo Loconsole, 2002 (Puglia), 24.38,70 - 9.º, série 2
11.º, Francesco Netti, 2002 (Puglia), 24.49,77 p,l, - 10.º, série 2
12.º, Daniele Benevieri, 2002 (Lazio), 24.51,28 - 11.º, série 2
13.º, Francesco Biondini, 2003 (Lazio), 24.56,32 - 12.º, série 2
14.º, Leonardo Vitangeli, 2002 (Toscana), 24.56,83 - 13.º, série 2
15.º, Rocco Luigi Ciarfaglia, 2002 (Basilicata), 25.04,81 - 14.º, série 2
16.º, Pietro Pi Notaristefano, 2003 (Puglia), 25.07,34 - 2.º, série 1
17.º, Enrico Disaro, 2002 (Veneto), 25.21,58 - 3.º, série 1
18.º, Mattia Boni, 2003 (Lombardia), 25.21,60 - 4.º, série 1
19.º, Daniele Viglione, 2002 (Piemonte), 25.23,72 - 15.º, série 2
20.º, Mattia Grilli, 2003 (Marche), 25.28,10 - 16.º, série 2
21.º, Filippo Anto Capostagno, 2002 (Lazio), 25.30,14 - 5.º, série 1
22.º, Alessandro Bonafede, 2003 (Veneto), 25.34,58 - 6.º, série 1
23.º, Daniele Cappelluti, 2002 (Puglia), 25.45,09 p,l, - 17.º, série 2
24.º, Pietro Lomonaco, 2003 (Basilicata), 25.53,04 - 7.º, série 1
25.º, Giuseppe Cinitiempo, 2003 (Campania), 26.12,51 - 18.º, série 2
26.º, Gianmarco Scurti, 2002 (Campania), 26.15,95 p,l, - 8.º, série 1
27.º, Flavio Antonio Barone, 2002 (Sicilia), 26.46,97 - 9.º, série 1
28.º, Carmelo Gambello, 2002 (Calabria), 27.15,25 - 10.º, série 1
29.º, Antonio Casu, 2003 (Sardegna), 27.51,80 - 11.º, série 1
30.º, Lorenzo Tasselli, 2002 (Marche), 28.29,17 - 12.º, série 1
31.º, Francesco Benvenuto, 2002 (Molise), 28.29,23 - 13.º, série 1
32.º, Michele Fedrizzi, 2003 (Trentino), 30.00,93 - 14.º, série 1
Desclassificados: Luca Ghislandi, 2002 (Lombardia) - série 1, Jacopo Varignana, 2003 (Emilia Romagna) - série 1 e Fabrizio Caprai, 2002 (Toscana) - série 1.

3.000 m femininos (séries 1 + 2)
1.ª, Angela Di Fabio, 2002 (Abruzzo), 14.49,17 - 1.ª, série 2
2.ª, Martina Casiraghi, 2002 (Lombardia), 14.56,81 - 2.ª, série 2
3.ª, Luce Accordi, 2003 (Toscana), 15.23,39 - 3.ª, série 2
4.ª, Martina Ticozzi, 2003 (Abruzzo), 15.23,43 - 4.ª, série 2
5.ª, Elisa Giuliani, 2003 (Piemonte), 15.34,78 - 5.ª, série 2
6.ª, Alessia Titone, 2002 (Piemonte), 15.38,12 - 6.ª, série 2
7.ª, Emma Umiliani, 2003 (Toscana), 15.38,51 - 7.ª, série 2
8.ª, Francesca Liviani, 2002 (Lombardia), 15.40,09 - 8.ª, série 2
9.ª, Giada Loreti, 2003 (Lazio), 15.47,17 - 9.ª, série 2
10.ª, Giulia Borzi, 2003 (Sicilia), 15.50,12 - 1.ª, série 1
11.ª, Francesca Cinella, 2003 (Marche), 15.51,14 - 10.ª, série 2
12.ª, Martina Quartararo, 2003 (Toscana), 15.51,16 - 11.ª, série 2
13.ª, Maria Sole Franceschi, 2002 (Toscana), 15.55,93 - 2.ª, série 1
14.ª, Anna Ferrari, 2002 (Emilia Romagna), 15.55,93 - 12.ª, série 2
15.ª, Eleonora Massa, 2003 (Campania), 15.57,36 - 3.ª, série 1
16.ª, Roberta Di Grazia, 2002 (Sicilia), 15.57,83 - 13.ª, série 2
17.ª, Elisabetta Ippoliti, 2003 (Lombardia), 15.59,51 - 4.ª, série 1
18.ª, Ilaria Migliardi, 2002 (Lazio), 16.00,28 - 14.ª, série 2
19.ª, Giulia Mezzanotte, 2002 (Lazio), 16.07,34 - 15.ª, série 2
20.ª, Veronica Vinci, 2002 (Puglia), 16.09,45 - 16.ª, série 2
21.ª, Giulia Crispiani, 2002 (Lombardia), 16.10,81 - 17.ª, série 2
22.ª, Miriam Franco, 2003 (Lazio), 16.10,94 - 18.ª, série 2
23.ª, Valeria Buglisi, 2003 (Alto Adige), 16.13,38 - 5.ª, série 1
24.ª, Martina Sammarco, 2003 (Trentino), 16.16,02 - 6.ª, série 1
25.ª, Sofia Perrone, 2002 (Basilicata), 16.20,47 - 7.ª, série 1
26.ª, Caterina Pappada, 2003 (Puglia), 16.25,30 - 8.ª, série 1
27.ª, Valeria Pinna, 2003 (Sardegna), 16.41,45 - 9.ª, série 1
28.ª, Alexandrina Mihai, 2003 (Veneto), 16.45,23 - 10.ª, série 1
29.ª, Alessia Biale, 2002 (Liguria), 17.09,32 - 11.ª, série 1
30.ª, Giulia Nestola, 2002 (Emilia Romagna), 17.19,19 - 12.ª, série 1
31.ª, Francesca Giammarino, 2003 (Abruzzo), 17.26,25 p,l, - 19.ª, série 2
32.ª, Stella Rinaldi, 2002 (Marche), 17.40,33 - 13.ª, série 1
33.ª, Federica Vinti, 2002 (Umbria), 18.02,49 - 14.ª, série 1
34.ª, Carlotta Gnesutta, 2003 (Friuli-Venezia Giulia), 18.53,44 - 15.ª, série 1
35.ª, Francesca P Ponticiello, 2002 (Campania), 19.25,50 p,l, - 16.ª, série 1

Festa da marcha em Pabrade, Lituânia

Os internacionais Zivile Vaiciukeviciute e Arturas Mastianica na
companhia dos jovens, e os treinadores J. Romankovas (convidado)
e V. Meskauskas. Fotos: Pabradės Sportinio Ėjimo Klubas.
Montagem: O Marchador
No dia 3 de outubro em Pabrade, pequena cidade lituana no distrito de Švenčionys que conta pouco mais de 5 mil habitantes, o Pabradės Sportinio Ėjimo Klubas, contando com o apoio da câmara municipal, organizou uma festa da marcha com provas de promoção que reuniram 80 jovens das escolas locais.

Viktoras Meskauskas, olímpico em Barcelona-1992 e Atlanta-1996, foi o dinamizador da iniciativa, tendo há alguns anos formado o clube que tem dado nas vistas no panorama nacional e internacional, Exemplo disso foi a participação dos seus atletas Zivile Vaiciukeviciute (20 km femininos) e Arturas Mastianica (50 km masculinos) nos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro-2016.

Com a marcha atlética a estar na moda, o programa da festa incluiu provas em pista de 600 metros para os mais pequenos e de 1000 metros para os mais crescidos, com os prémios a serem oferecidos pelo Presidente da Câmara Municipal de Pabrade. Os vencedores, todos eles já praticantes da disciplina no clube, foram Liudas Grincevicius e Juste Perveneckaite (600 m), e Martynas Beperscius e Nora Meskauskaite, filha de Viktoras.

Colaboração: Kristina Saltanovic

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Viena recebeu os campeonatos conjuntos da Áustria e Croácia

Os melhores nos 20 km femininos e 50 km masculinos, em cima,
da Áustria, em baixo, da Croácia. Fotos: IAC Pharmador,
HSV-Wien, AK Agram e Crossed Flag Pins.
Montagem: O Marchador
O Wiener Prater, um parque público que fica no centro de Viena, foi palco dos campeonatos nacionais austríacos e croatas de marcha em estrada nas distâncias de 50 km masculinos e 20 km femininos (7 Out.).

São campeões da Áustria, Roman Brzezowsky, M50, do HSV Wien/Laufsport, com 5.12.17 nos 50 km, o 2.º classificado da geral, e Kathrin Schulze,W35, do IAC-Pharmador, com 1.52.14 nos 20 km, prova que venceu.

São campeões da Croácia, os representantes do Atletski Klub Agram, o sénior Bruno Erent, com 4.45.59, o vencedor absoluto da prova de 50 km, e a sub-23 Ivana Renić, com 1.58.40 nos 20 km, prova que finalizou na terceira posição da geral, atrás da húngara Katalin Bodorkós (W50, DOBÓ- Szombathely, 1.56.53).

Disputaram-se ainda outras provas de diferentes distâncias (30 km, 20 km, 10 km e 5 km), cujos resultados podem ser consultados aqui.

Principais classificações
50 km masculinos - geral
1.º, Bruno Erent, 1990 (CRO - AK Agram), 4.45.59
2.º, Roman Brzezowsky, 1964 (AUT - HSV-Wien/Laufsport), 5.12.17 - M50
3.º, Dietmar Hirschmugl, 1968 (AUT - TV Gleisdorf 1877), 5.28.12 - M45
4.º, Želimir Haubrih, 1963 (CRO - AK Dinamo Zrinjevac), 5.32.55 - M50
5.º, Alexander Maier, 1973 (AUT - DSG Volksbank Wien), 5.54.13 - M40
6.º, Berislav Devčić, 1966 (CRO - Maraton Klub Velika Gorica), 5.59.18 - M50
7.º, Johann Siegele, 1948 (AUT - SVS-Leichtathletik), 6.46.35 - M65

20 km femininos - geral
1.ª, Kathrin Schulze, 1981 (AUT - IAC-Pharmador), 1.52.14 - W35
2.ª, Katalin Bodorkós, 1967 (HUN - DOBÓ- Szombathely), 1.56.53 - W50
3.ª, Ivana Renić, 1996 (CRO - AK Agram), 1.58.40 - sub-23
4.ª, Andrea Zirknitzer, 1958 (AUT - LCAV Jodl Packaging), 2.07.17 - W55
5.ª, Barbara Hollinger, 1988 (AUT - Union Pottenstein), 2.13.21
6.ª, Mateja Erceg, 1997 (CRO A.K. - Dinamo Zrinjjavac), 2.15.45 - sub-23
7.ª, Dorothea Grolig, 1951 (AUT - DSG Volksbank Wien), 2.19.02 - W65
8.ª, Ana Jureta, 1973 (CRO - A.K. Dinamo Zrinjjavac), 2.20.39 - W40
9.ª, Monika Schwantzer, 1955 (AUT - UNION track and field Parndorf), 2.28.11 - W60
10.ª, Christa Triebl, 1960 (AUT - TV Fürstenfeld), 2.32.58 - W55
11.ª, Martina Strmečki Stakor, 1994 (CRO - AK Agram), 2.41.54 - sub-23
12.ª, Urszula Radziewinska, 1972 (POL - UNION track and field Parndorf), 2.53.35 - W45
13.ª, Emilia Switala, 1980 (POL - UNION track and field Parndorf), 3.09.15 - W35

Bons resultados no festival do desporto japonês em Matsuyama

Eiki Takahashi na liderança e a chegada de Nanako Fujii, com
um novo recorde nacional sub-20. Fotos: Iwate-NP e Sanspo
Montagem: O Marchador
A 72.ª edição do Festival Nacional de Desporto, que teve lugar este ano na cidade japonesa de Matsuyama, Prefeitura de Ehime, produziu resultados de elevada craveira técnica, aliás, como já vem sendo habitual em terras nipónicas, fator justificável pela qualidade do trabalho que se produz desde as camadas jovens, com uma participação sempre numerosa de marchadores, principalmente nos campeonatos nacionais.

Nos 10.000 metros para seniores masculinos (8/10), venceu Eiki Takahashi (Fujitsu), outra vez com uma marca abaixo da casa dos 40 minutos, mais precisamente 39:19.53, cortando a linha de chegada com quase um minuto sobre o segundo classificado, Kai Kobayashi (40:18.81), cabendo a medalha de bronze a Toshikazu Yamanishi (40:58.20). Note-se que Takahashi já triunfara na edição do ano passado vencendo, então, com u tempo de 38:21.88 (recorde do evento). Destaque também para o júnior Masatora Kawano, nascido em 1998, quarto classificado com o tempo de 41:01.38. Nos 5.000 m Sub-20, vitória de Hiroto Jusyo, com 20:11.72

Na prova feminina de 5.000 metros (9/10), há a registar a quebra de vários recordes pessoais mas com o destaque da jornada a ir inteirinho para a nova coqueluche da marcha feminina japonesa: Nanako Fujii, que bateu por 40 segundos o seu recorde pessoal, estabelecendo um novo recorde do Japão na categoria Sub-20, com a marca de 21:33.44. Kaori Kawazoe foi segunda com 22:21.15, e Yukiko Mizoguchi, a terceira com 22:25.61, ambas estabelecendo também novos máximos pessoais.

Das várias competições realizadas anualmente no Japão, as mais importantes (juízes internacionais portugueses são habitualmente convidados), e que apuram os representantes nipónicos para os grandes eventos internacionais, são três, todas elas sempre realizadas nos mesmos meses do ano e com parcerias de longo prazo estabelecidas com as respetivas Câmaras Municipais: 20 km de Kobe (fevereiro), 50 km de Wajima (abril), aqui, por via do tal contrato e da proximidade de datas, impossibilitando a presença no Campeonato do Mundo de Seleções (maio), e 50 km de Takahata (outubro), numa destas duas últimas, com a novidade da inclusão, em 2018, da prova feminina que, pela primeira vez, apurará a campeã nipónica na distância.

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Pela 26.ª vez a marchar em Grodno

A frente da prova principal e os pódios dos 20 km masculinos
e 10 km femininos. Fotos: Oblsport Grodno
Montagem: O Marchador
No passado dia 7 de outubro a cidade de Grodno, na Bielorrússia, organizou mais uma edição da prova em homenagem a Pyotr Pochynchuk, vice-campeão olímpico nos 20 km dos Jogos de Moscovo-1980.

Numa manhã de sol e na praça central da cidade, foram mais de 120 os participantes no evento, de entre nacionais e convidados da Lituânia, com os mais jovens a estarem ao lado dos mais experientes, internacionais e olímpicos, disputando prémios e convivendo.

Na principal prova do setor masculino, na distância de 20 km, com 5 participantes, o triunfo pertenceu a Aleksandr Liachovic, com 1.21.42, com mais de um minuto de vantagem sobre o segundo classificado, Dmitriy Diubin, com 1.22.50, sendo terceiro Evgeniy Zalesskiy, com 1.23.10.

No setor feminino, em prova de 10 km (5 atletas), a vencedora foi Anna Drabenia, com 43.52, seguida à distância (mais de 2 minutos) por Viktoria Roschupkina, com 46.00, com a olímpica Anastasia Yacevic a ser terceira classificada, com 47.16.

Nos sub-20 (8 participantes), os vencedores foram Aleksandr Sipchuk, com 42.52 nos 10 km masculinos, e Ksenia Kudrec, com 25.11 nos 5 km femininos, e nos sub-18 (17 participantes) os melhores foram Nikita Koliada, com 20.05 nos 5 km masculinos, e Dana Morozova, com 13.21 nos 3 km femininos.

Referência ainda para os escalões mais jovens em provas muito participadas: venceram nos sub-16 (31 atletas), Aleksey Kuncevic (12.38, 3 km masc.) e Elizaveta Grishkevic (9.07, 2 km fem.), nos sub-14 (28 atletas, sendo 23 meninas) Kirill Grickevic (9.36, 2 km masc.) e Vasilina Ignatenko (4.40, 1 km fem.), e nos sub-12 (25 atletas) Arseniy Kotov (4.55, 1 km masc.) e Ksenia Lobac (5.03, 1 km fem.).

Todos os atletas levaram para casa medalhas de participação, os vencedores tiveram direito a prémios monetários, e à equipa de Novogrudsk, com o maior número de participantes, foi entregue um bolo para os seus atletas «recuperarem» energias após o esforço!

Colaboração: Kristina Saltanovic